Como guardar café em casa

Guardar café em casa

Os amantes do café partilham do prazer que é saborear uma bela chávena de café, mas dificilmente chegam a um consenso acerca da melhor forma de guardar café em casa. Descubra tudo o que precisa de saber para conservar o aroma e o sabor do seu café preferido durante mais tempo.

O café e a sua frescura

O café é um produto orgânico, com origem numa planta viva, o que significa que a sua frescura não é eterna – antes pelo contrário, é efémera. O café contém óleos voláteis, ou seja, químicos que são responsáveis pelo sabor do próprio café e que são libertados depois do processo de torrefação dos grãos de café. Embora o sabor do café esteja no seu auge 2 ou 3 dias após a torrefação, a partir do momento em que o café é torrado, a sua frescura começa a perder-se rapidamente. Se o café for moído, a perda de frescura e sabor é ainda mais veloz. Para assegurar um café sempre fresco, deve consumir o café em grão no prazo máximo de um mês; o café moído deve ser consumido num prazo de duas semanas depois da sua torrefação. Outras formas simples de conservar a frescura do seu café em cada chávena é comprar menos quantidades de café – o suficiente para duas semanas, por exemplo – e moer o café em grão na hora. Para além disso, a frescura do café também depende, em grande parte, da forma como é guardado em casa.

Os inimigos do café

Os piores inimigos do café, nomeadamente no que toca à conservação da sua frescura, aroma e paladar são quatro: o ar, a humidade, o calor e a luz. Cada um destes fatores deve ser evitado, quer na hora da compra do café, quer na hora de o guardar em casa. Isto porque tanto o ar e a humidade, como o calor e a luz interferem com as suas qualidades naturais, contribuindo para uma deterioração ainda mais rápida do café.

Os melhores recipientes para conservar café

As embalagens originais do café são especificamente concebidas para conservar toda a frescura do café até ao momento em que se inicia o seu consumo – o que significa que mal essa embalagem é aberta, o café começa rapidamente a perder os seus níveis de frescura. Os melhores recipientes para conservar o café depois de aberto são os de vidro, cerâmica ou de metal, desde que estes contenham tampas herméticas. O plástico também é uma opção válida desde que o recipiente seja hermeticamente fechado e armazenado num local escuro e fresco. Se comprar café em grandes quantidades, opte por guardar tudo num recipiente grande e num local fresco e escuro, mantendo um recipiente mais pequeno para uso diário. Desta forma, o café no recipiente maior será aberto menos vezes, estando consequentemente exposto a menos ar.

Os melhores locais para guardar café

Os melhores locais para guardar café são em espaços secos, escuros e frescos, nomeadamente numa despensa ou armário. O frigorífico e o congelador não são bons locais de armazenamento de café uma vez que, para além de conterem elevados níveis de humidade, os odores presentes nestes eletrodomésticos podem ser facilmente absorvidos pelo café, destoando assim o seu aroma e paladar. Deve ainda evitar guardar o café junto de fontes de calor como o fogão, forno e micro-ondas, assim como em locais que são alvos de exposição solar direta. Se tem por hábito guardar o café numa prateleira aberta ou na bancada da cozinha, certifique-se que o café esteja armazenado num recipiente opaco com tampa hermética, mas também que não esteja junto de nenhuma fonte de calor ou de sol direto.

Congelar ou não congelar?

Embora não seja aconselhado guardar café, nem no frigorífico, nem no congelador, existe uma exceção – se comprou café em excesso pode congelá-lo nas suas embalagens originais durante o período de um mês. Se a embalagem de café moído ou em grão já estiver aberta, pode mesmo assim congelá-la de forma a garantir a sua frescura durante mais tempo. Coloque o café já aberto num recipiente próprio para o congelador (de preferência com tampa hermética) ou num saco de congelação. Se optar pelo saco de congelação, retire todo o ar do mesmo antes de o fechar e envolva-o numa camada de película aderente, seguida de uma camada de papel de alumínio antes de o colocar no congelador. Uma vez retirado o café do congelador, este não deve voltar a ser congelado.

A sua votação: